Tag

, , ,

 

12036577_10207783567377342_8628496410136381931_n
Tchello d’Barros‎{+ POIESIS} Exposição Internacional de Arte Postal
Artistas:
ALEMANHA: HORST TRESS – MALTE SONNENFELD | ARGENTINA: ADRIAN DORADO – ANA VERÓNICA SUÁREZ – CLAUDIA LIGORRIA – MARIA FERNANDA DE BROUSSAIS – CLAUDIO MANGIFESTA – MADO RESNIK – MARCELA PERAL – MATIAS YGIELKA – OMAROMAR – RAQUEL GOCIOL – SILVIA RAQUEL BONDER | AUSTRÁLIA: ANNEKE BAETEN | BÉLGICA: LUC FIERENS – RENAAT RAMON – SVEN STAELENS | BRASIL: ALEXANDRE DACOSTA – ALMANDRADE – BRUNA BERGER – CARMEM SALAZAR – CONSTANÇA LUCAS – FERNANDO ABRITTA – GIL JORGE – GLÓRIA W. OLIVEIRA DE SOUZA – GUSTAVO JERONIMO – HUGO PONTES – JOAQUIM BRANCO – KAILA LIPP – MARGA MONTEIRO – TCHELLO D’BARROS – TEREZA YAMASHITA – YAN BRAZ | CANADÁ: KATYE O’BRIEN | COLÔMBIA: TULIO RESTREPO | DINAMARCA: MARINA SALMASO – VICTOR VIDAL | ESPANHA: CORPORACIÓN SEMIÓTICA GALEGA – FERRAN DESTEMPLE – JOSÉ L. CAMPAL – PIERRE D. LA | EUA: ARAM SAROYAN – JOHN BENNET – REID WOOD – STEVE DALACHINSKY | HUNGRIA: MÁRTON KOPPÁNY | ITÁLIA: ANGELA CAPORASO – CINZIA FARINA – CRISTIANO CAGGIULA – FRANCESCO APRILE – GUIDO CAPUANO – JIMMY RIVOLTELLA – MASSIMO CONCU – MAYA LOPEZ MURO – ORONZO LIUZZI – ROSSANA BUCCI – VIRGÍNIA MILICI | JAPÃO: ANÔNIMO – KEICHI NAKAMURA – NICHOLA ORLICK | MÉXICO: JOSÉ LUIS ALCALDE SOBERANES | POLÔNIA: MIRON TEE | PORTUGAL: AVELINO ROCHA – BRUNO MINISTRO – MARIA JOSÉ SILVA, MIZÉ – MÁRIO LISBOA DUARTE – NUNO MIGUEL NEVES | SUÍÇA: BRUNO SCHLATTER – DARKO VULIC | TURQUIA: MERAL AGAR – TURKAN ELÇI | URUGUAI: CLEMENTE PADIN

Serviço:
Abertura: 06 de outubro de 2015 – as 19 h
Local: Fundação Casa das Artes, em Bento Gonçalves (RS), Brasil
Visitação: Até 06 de novembro – Entrada franca
Mesa-redonda: Com Ronaldo Werneck, Hugo Pontes, Tchello d’Barros e mediação de Artur Gomes – 09 de outubro as 15 h no Hotel Vinocap

Links:
{+ P O I E S I S} no Facebook:
https://www.facebook.com/poiesiscuradoria
Link do Congresso Brasileiro de Poesia:
http://poebrasoficial.blogspot.com.br/

Contato + Infos:
Tchello d’Barros
Curadoria { + POIESIS}
tchellodbarros@gmail.com
http://www.tchellodbarros-poesiavisual.blogspot.com
Rio de Janeiro, RJ, Brasi

 

Tchello d’Barros‎{+ POIESIS} Exposição Internacional de Arte Postal

INTERFACES DA POESIA VISUAL COM A ARTE POSTAL
por Tchello d’Barros*

’ ’Poesia é… brincar com as palavras’’
José Paulo Paes

{+ POIESIS} apresenta o possível diálogo entre a linguagem da Poesia Visual e o sistema da Arte Postal, estabelecendo um espaço específico – o Cartão Postal – como acesso ao leitor/visualizador dos poemas visuais. Esse hibridismo, essa interação, são características que sempre estiveram presentes tanto na tradição da Poesia Visual quanto nas inventivas redes de trocas de Cartões Postais, suporte que tem abrigado criações visuais nas mais variadas técnicas e conceitos. Não será exagero lembrar que muitos(as) autores(as) transitam nestes dois segmentos que ora se tocam, ora se (com)fundem.

Qual o lugar ideal da Poesia Visual na contemporaneidade? Podemos apontar os livros, jornais culturais, exposições, Internet e mídias digitais, além dos hibridismos nas Artes Visuais e outras linguagens, mas antes de tudo talvez possamos considerar que possa ser o lugar de qualquer (bom) poema: onde possa causar reações estéticas, onde possa comunicar. O poema visual é um sobrevivente de nossa turbulenta passagem para a pós-modernidade, abriu seu espaço na era digital, cruzou a linha do novo milênio, chegou aos nossos dias reinventando-se sempre mais, transgressor, crítico e político. E não veio apenas para ficar, mas para ampliar seu arco temático, seja pelo viés do humor, seja pela crítica mordaz nas abordagens dos grandes temas da humanidade, desde tensões geopolíticas, desníveis socioeconômicos, as relações humanas, até aspectos inusitados do cotidiano.

A Arte Postal – Arte Correo, Mail Art – por sua vez amplia suas redes de trocas simbólicas para todos os continentes, aumentando cada vez mais seus adeptos, e, para além das mostras coletivas, potencializa seus públicos de forma exponencial nos meios virtuais. De uma forma estrutural, ou de sistema, percebemos a Arte Postal, mais viva do que nunca, ampliando suas relações de troca de estesias e tráfico de alumbramentos em redes cada vez mais amplas, em nossa sociedade global, num intercâmbio de obras livres das amarras acadêmicas, das demandas de mercado e do engessamento institucional.

Atenderam ao Chamado desta {+POIESIS} 72 artistas de 19 países, apresentando propostas de veiculação de suas criações em Poesia Visual, no suporte da Arte Postal, ou seja, Cartões Postais contendo poemas visuais de tema livre, com técnicas variadas, como desenho, pintura, colagem, infogravura, fotografia, reprografia, origamis, caligrafia, técnicas mistas, selos autorais e carimbos personalizados. E a diversificação se amplia nos estilos das imagens bem como nas temáticas dessas obras em que cada Cartão Postal possui elementos de manufatura que os tornam únicos, em contraponto com a cultura de massa em que nossa sociedade está inserida.

Provocar relações entre a Poesia Visual e a Arte Postal no cenário brasileiro e internacional; estimular a presença dessas linguagens e suportes nos meios culturais; e tensionar aspectos conceituais para uma possível reflexão ou debate, são alguns pontos de partida desta mostra {+ POIESIS}. E, ainda que se possa pensar também no aspecto da difusão de ambas as categorias em território brasileiro, é também uma forma de oportunizar mais opções, seja para quem quer adentrar esse sistema com suas criações, seja apenas para quem ama a poesia em todas as suas vertentes.

Rio de Janeiro (RJ), Brasil – setembro 2015
*Tchello d’Barros é Escritor, Artista Visual e Curador

Annunci